Arrecadação de impostos do governo é a pior para julho desde 2010, diz Receita


Entre janeiro e julho deste ano, o governo arrecadou um total de R$ 758,533 bilhões, alta real de 0,61% na comparação com igual período do ano passado

No pior resultado para o período desde 2010, a arrecadação do governo com impostos e contribuições federais somou R$ 109,948 bilhões em julho, um recuo real, quando já é descontada a inflação, de 0,34% na comparação com o mesmo mês de 2016.

Em relação a junho de 2017, contudo, houve aumento real de 5,37%.

O valor arrecadado foi o pior desempenho para meses de junho desde 2010, quando as receitas somaram R$ 108,386 bilhões. Mesmo assim, o montante veio dentro das expectativas do mercado.

Segundo levantamento anterior realizado pelo Estadão/Broadcast, realizando junto a 19 instituições financeiras, as previsões para a arrecadação do governo ficavam entre R$ 104,300 bilhões, no pior cenário, a R$ 115,900 bilhões, na mais otimista das projeções.

Entre janeiro e julho deste ano, o governo arrecadou um total de R$ 758,533 bilhões. A cifra representa uma alta real de 0,61% na comparação com igual período do ano passado.

 

Fonte e texto: Estadão

Deixe uma resposta