A partir de segunda-feira, 29, viajantes de 6 países estão proibidos de entrar no Brasil


Casa Civil diz que Brasil fechará fronteiras aéreas para seis países da África a partir de segunda, 29
Decisão afetará passageiros vindos da África do Sul, Botsuana, Eswatini, Lesoto, Namíbia e Zimbábue, no sul do continente africano, e é motivada por nova variante do coronavírus.

Passageiros vindos de seis países do Sul da África serão proibidos de entrar no Brasil a partir da próxima segunda-feira, 29. A medida visa combater a entrada da nova variante B.1.1.529, batizada de ômicron, que de acordo com especialistas, aparenta ser mais transmissível, já que apresentou a curva de contágio subindo como um foguete.

De acordo com o ministro Ciro Nogueira, a decisão foi tomada em conjunto pela Casa Civil e pelos ministérios de Infraestrutura, Saúde e Justiça e Segurança Pública.

Ontem a ANVISA já havia sugerido o fechamento de voos vindos dessa região, sugestão refutada pelo presidente Jair Bolsonaro, mas que agora recua e segue a recomendação. A lista de países incluídos no bloqueio é similar à divulgada pelo governo dos Estados Unidos na tarde desta sexta. A administração do presidente Joe Biden, no entanto, incluiu também os passageiros oriundos de Moçambique e do Malawi.

A B.1.1.529, agora chamada de variante ômicron, preocupa pois tem 50 mutações — algo nunca visto antes —, sendo mais de 30 na proteína S (spike) – a “chave” que o vírus usa para entrar nas células e que é o alvo da maioria das vacinas contra a Covid-19.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.