Após exonerar secretário ligado a Laércio Oliveira, Belivaldo promete realizar outras exonerações


O governador Belivaldo Chagas (PSD), em entrevista ao radialista George Magalhães, da rádio SIM FM, em Carmópolis, fez uma revelação política que surpreendeu o setor política: “a união do senador Rogério Carvalho (PT) e do deputado federal Laércio Oliveira (PP) na eleição do Sebrae para derrota sua filha.
Laércio Oliveira foi eleito ao Senado com o apoio do grupo político liderado pelo governador Belivaldo Chagas (PSD), contra um grupo político de Rogério Carvalho (PT), que trabalhou para derrotá-lo: “surpreendente agora Laércio e Rogério se unem contra Priscila Felizola, para impedir sua eleição à Superintendência do Sebrae, em que ela foi eleita, nesta segunda-feira, por 10 a 04″.
Segundo Belivaldo, em conversa com George Magalhães, essa composição incomum entre dois adversários políticos, não teve objetivo apenas de atuar na eleições de uma entidade importante como o Sebrae, mas visava diretamente o governador e o seu grupo, já que o objetivo era a derrota de Priscila Felizola.
Essa atitude provocou uma resposta política e objetiva: a exoneração imediata do secretário José Augusto ( Sedetec), que fora indicado pelo deputado federal Laércio Oliveira.: “Ainda nesta terça-feira iremos realizar outras exonerações”, revelou Belivaldo.
Questionado sobre em quais setores irão ocorrer essas saídas de integrantes do grupo do senador eleito Laércio Oliveira e ainda o governador Belivaldo Chagas foi objetivo: “Se fosse para exonerar todos ligados ao senador, o nosso Diário Oficial não iria suportar”, frisou.
Ainda durante entrevista, o governador ressaltou que o atual titular de pasta da Fazenda, Marcos Antônio Queiroz, irá acumular as duas pastas.
Fonte: FaxAju

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.