Casa da Cultura está cheia de mato e abandonada pela gestão Gilson Andrade; veja vídeo e fotos


Construída na gestão do ex-prefeito José Nelson, a Casa da Cultura em Estância, já foi um lugar de grande produção cultural e ambiente artístico, visto que, realizava oficinas, exposições, ensaios, espetáculos e muitas outras atividades culturais. Mas, infelizmente, com o passar dos anos, essa importante estrutura para os artista da Cidade Jardim foi sendo esquecida, pouco cuidada, até ficar abandonada e entregue aos matos, insetos e à marginalidade.

A Casa da Cultura que foi interditada pela Defesa Civil em 2016, no último ano da gestão de Carlos Magno, encontra-se hoje, jogada ao léu. Em 2017 e 2018, já na gestão do prefeito Gilson Andrade foi retirada uma estrutura de ferro e colocado as placas de isolamento de metal substituindo os tapumes colocados na gestão Carlos Magno.

É preciso lembrar que o atual prefeito Gilson Andrade, criticou bastante o ex-prefeito por interditar e não reformar a Casa da Cultura, mas 6 anos depois, a situação em que ela se encontra é muito pior. É degradante. É lamentável.

O colunista do Entre Notícias e repórter do Microfonia, Mário Dias, esteve no local e fez vídeos e imagens da situação precária na qual a Casa da Cultura se encontra. Veja no vídeo e imagens abaixo:

 

Veja imagens:

Foto de 2017
Foto de 2018

Foto de 2018

Fotos de 2022

Por Cláudio Hiroshy

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.