Empresa contratada pelo Governo de Sergipe fornece comida estragada para mais de 5 mil estudantes da rede de ensino


A revisão final preparatória para as provas do o Enem 2022, que aconteceu nesta sexta-feira, 11, no Ginásio de Esportes Constâncio Vieira, em Aracaju,foi marcada por um fato inusitado e que provocou contratempos para os estudantes que foram participar do simulado, além de bastante constrangimento para o Governo do Estado, em especial para a Secretaria de Estado da Educação.

O problema é que as quentinhas que estavam destinadas à alimentação dos mais de 5 mil estudantes, advindos não só da capital e da Grande Aracaju, mas também dos 75 municípios do estado, chegaram estragadas e sem a menor condição de serem consumidas.

A situação chamou ainda mais a atenção entre as pessoas que compareceram ao Constâncio Vieira, pois a fato chegou a ser anunciado ao microfone pelas nutricionistas da Seduc, no empenho de avisar a todos sobre o estado dos alimentos e evitar que o pior acontece, caso alguém consumisse a comida azeda.

Segundo Gleice Queiroz, assessora de Comunicação da Seduc, a responsabilidade pelo ocorrido é da empresa NK Marmitas, que foi responsável pelo serviço de fornecimento da alimentação.

“Tive que me virar para conseguir comida para 5 mil estudantes, de última hora. Nossas nutricionistas chegaram a mandar anunciar ao microfone que não era para comer a marmita. Pense no nosso desespero. Havia até equipe de jornalismo da imprensa nacional cobrindo a Revisão. Eles colocaram feijão em caldo nas marmitas, o que não se deve fazer, pois é um alimento que azeda com muita facilidade. Até eu, que não sou do ramo de alimentação, sei disso. O importante é que ninguém consumiu nenhumas das marmitas, pois conseguimos agir a tempo e evitar que o pior acontecesse. Assim que o meu relatório sobre o caso for concluído, a Seduc vai acionar a empresa na Justiça, para que ela seja responsablizada judicialmente pelo fato”, conta a assessora.

Por telefone, a equipe jornalística do Portal Fanf1 tentou fazer contato com a empresa NK Marmitas, mas não obteve sucesso.

Fonte e texto: Fan F1

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.