Pais tiram criança de hospital antes de alta após médico suspeitar de sinais de abuso sexual


Segundo a polícia, menino de 1 ano e 9 meses foi levado a uma consulta dermatológica, quando o médico desconfiou de lesões que aparentavam ser de violência sexual. Após suspeita, pais deixaram o hospital sem comunicar funcionários.

Hospital da Criança de Rio Preto; pais levaram a criança embora sem alta médica — Foto: Reprodução/TV TEM

A Polícia Civil vai investigar um suposto estupro a um menino de 1 ano e 9 meses em São José do Rio Preto (SP). O caso aconteceu na quarta-feira (7) e um boletim de ocorrência não criminal foi registrado.

Segundo o boletim de ocorrência, os pais do menino o levaram até o Hospital da Criança para uma consulta dermatológica e, durante a consulta ambulatorial, a criança foi avaliada e encaminhada para a emergência para investigação de suspeita de violência sexual.

O menino foi submetido a exames para constatar lesões nas partes íntimas e iria passar por acompanhamento multidisciplinar. Ele precisaria ficar internado no hospital por aproximadamente mais 10 dias, mas os pais o levaram embora sem a alta médica e sem comunicar ninguém do hospital.

O boletim de ocorrência foi registrado pela própria enfermeira que acompanhou o atendimento. Ela relatou à polícia que, quando estava na unidade, foi avisada pela assistente social de que os pais tinham ido embora sem avisar ninguém.

Em nota, o Hospital da Criança informou que não pode passar informações sobre o motivo da entrada da criança no hospital por se tratar de menor de idade.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.