Radialista Dussantus e ouvintes cobram de Gilson Andrade o tradicional São João de 30 dias


Durante o Programa Dia a Dia Notícias, apresentado pelo radialista e agente cultural Luiz Carlos Dussantus, o mesmo cobrou do prefeito Gilson Andrade que será um grande erro, caso a prefeitura decida não realizar o São João durante os 30 (trinta) dias. A dúvida surgiu, quando o prefeito relatou na entrevista dada no último dia 31/03, ao próprio radialista, dizendo que a Praça Barão do Rio Branco, seria fechada nos próximos dias para reforma, que não poderia ser adiada devido a alocação de recursos na conta do município por um longo período, correndo o risco de ser devolvido.

Dussantus explicou, que pela excepcionalidade de não poder realizar os festejos juninos na Barão do Rio Branco, não exime a responsabilidade da gestão em realizá-lo no Forródromo, o importante é que a cidade cenográfica esteja montada e pronta para receber os estancianos e turistas, até porque, a pandemia tirou do nosso povo por dois anos a alegria que é brincar o São João.

Ouvintes também participaram cobrando da gestão uma festa nos moldes culturais apresentados na Praça Barão do Rio Branco e anos anteriores. O radialista e ex-Secretário de Cultura, Mário Dias, participou por telefone e também falou da importância da realização da festa com uma identidade cultural mais presente, que possa ajudar diretamente os brincantes, fogueteiros, vendedores ambulantes, etc.

Luiz Carlos Dussantus reforçou que é um erro da gestão Gilson Andrade não realizar a festa durante trinta dias, e disse mais, se antes já tinha dois dias de forródromo, agora tinha era que ser maior, ter quatro dias, e relatou até as possíveis datas, Salva 31/05, Forró dos Namorados 12/06, Véspera de São João 24/06 e São Pedro dia 29/06.

Vamos aguardar a decisão do prefeito Gilson Andrade!

Por Cláudio Hiroshy

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.