Benzema é condenado a 1 ano de prisão com suspensão condicional por chantagear Valbuena


Os jogadores de futebol franceses Mathieu Valbuena (esquerda) e Karim Benzema se abraçam durante o hino nacional, antes do jogo entre França e Nigéria, pelas oitavas de final da Copa do Mundo no Brasil, em 30 de junho de 2014 — Foto: Franck Fife/AFP

 

O atacante da seleção francesa foi condenado a 1 ano de prisão com suspensão condicional pela Justiça da França, por cumplicidade no caso de chantagem ao amigo e companheiro de seleção na época Valbuena, por divulgação de vídeo íntimo.

A Justiça condenou Benzema também a pagar 75 mil euros de multa (cerca de R$ 470 mil), mas seus advogados já anunciaram que vão recorrer da decisão. Os outros quatro acusados foram condenados a penas que vão de 18 meses de prisão, também com suspensão condicional (quando a pena é substituída por outras medidas determinadas pela Justiça), a até dois anos e meio de prisão com cumprimento obrigatório.

Em 6 de outubro de 2015, Benzema foi ao quarto de Valbuena, na concentração da seleção francesa, e disse ao companheiro de equipe que poderia apresentar “alguém de confiança para ajudar a administrar” a possível divulgação de um vídeo comprometedor. Valbuena se sentiu chantageado. Anteiormente os chantagistas haviam procurado primeiro o então jogador Djibril Cissé, que se recusou a colocá-los em contato com Valbuena e ainda alertou o colega sobre a existência do vídeo. Sem sucesso, eles fizeram a nova tentativa por Benzema que propôs a Valbuena a administração da situação.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.